Ilhéus: Ação do Movimento Praia Limpa acontecerá no próximo domingo

Publicado em 25/04/2018
Palavras-chaves: , , , ,

Do Novais Notícias

No último dia 14 aconteceu a primeira ação do movimento PRAIA LIMPA, criado com o intuito de promover a limpeza de nossas praias, além da conscientização de seus frequentadores para que levem seu lixo ao irem embora da praia.

Para esta primeira inserção foi escolhida a praia das imediações da Pousada Costa do Cacau, na Praia do Sul, área de grande movimento e que já estava com uma lastimável quantidade de lixo acumulado nos seus arredores.
Para tanto contaram com alguns parceiros que doaram materiais como sacos de lixo, luvas, lixeiras, placas educativas, gadanhos, além de também aderirem ao movimento e irem arregaçar as mangas para recolher o lixo da praia. Esses parceiros foram a AF Ambiental, Trio Engenharia, Pizzaria Mico leão, Restaurante Feijão de Corda, Lanamari Bistrô, Bataclan e Cabana Guarany, valendo agradecimento ao Colégio Impacto que levou um exército de crianças para ajudar na nossa tarefa.

Há que se ressaltar a participação do MOVIMENTO ILHÉUS LIVRE, grupo formado por cidadãos ilheenses que querem o melhor para esta cidade e seus moradores, o qual foi essencial na divulgação dessa primeira ação.
Vale lembrar que também tiveram ajuda de alguns frequentadores que se motivaram a participar assim que viram o grupo fazendo a limpeza da praia.

“Encontramos a área numa situação lamentável! Até uma porta de geladeira achamos jogada na praia! Também recolhemos dezenas de garrafas, bitucas de cigarro, muito plástico, muitos cocos deixados pelos ambulantes que lá os comercializam, enfim, uma quantidade enorme de lixo”, disse Dimitri Adami.

Após recolhido todo o lixo este foi depositado na caixa coletora cedida pela Trio Engenharia para que fosse dada a correta destinação ao material recolhido.

Vale dizer que a iniciativa PRAIA LIMPA não foi um evento isolado. Dará continuidade às atividades e já tem data da próxima ação, que ocorrerá no próximo dia 29/04 (domingo) com concentração da Cabana Guarany.
“Por fim, fica a lição de que toda iniciativa da sociedade civil organizada com o intuito de chegar onde o poder público falha deve ser incentivada. Não podemos cruzar os braços e ficar esperando pelo tutela estatal. Onde pudermos arregaçar nossas mangas e fazermos a nossa parte”, disse Dimitri Adami.

Deixe uma resposta

Newsletter:
Assine e receba nossas notícias no seu e-mail:

REDES SOCIAIS: