Dica de empreendedorismo: Aprenda como emitir boleto mesmo sendo pessoa física

Publicado em 14/06/2019
Palavras-chaves: , ,

Você já teve dificuldade para emitir boleto em seu banco?

A taxa não é favorável e eles te tratam como se tivessem fazendo um favor.

Quem precisa emitir boletos recorrentes sabe a dificuldade que é trabalhar diretamente com o banco sem possuir um sistema (o que geralmente envolve uma mensalidade), principalmente se você trabalha como pessoa física.

Já há algum tempo eu conheci uma fintech chamada Juno, uma plataforma que agrega diversos serviços financeiros, como a emissão de cobranças por boleto bancário ou cartão de crédito, transferência de saldo da conta online para o banco, envio de lembretes de cobrança, personalização das cobranças com a logomarca do prestador de serviço, parcelamentos, além do total controle dos clientes da plataforma sobre os processos gerados via sistema.

Ou seja, além de emitir seus boletos por um valor mais baixo que os bancos você ainda tem um  sistema de gestão de clientes livre de mensalidades.

Algumas vantagens que encontramos na plataforma:

✅ Emitir cobranças com seu CPF ou CNPJ, sem carteira de cobrança;
✅ Gerenciar seus clientes;
✅ Emitir cobranças recorrentes, automáticas, parceladas e carnês no boleto;
✅ Enviar cobranças por e-mail ou WhatsApp;
✅ Cobrar juros e multas após o vencimento;
✅ Tem aplicativo;
✅ Escolher receber antecipado ou parcelado no cartão;
✅ Dá para personalizar cobranças com suas cores e logo;
✅ Anexar arquivos às cobranças, como notas fiscais e recibos;
✅ Suporte é muito bom.

Quer começar a emitir boletos de forma moderna com taxas mais baixas e economizando principalmente seu tempo?

Experimente agora clicando aqui.

 

Deixe uma resposta

Newsletter:
Assine e receba nossas notícias no seu e-mail:

REDES SOCIAIS: