×

Marão acerta com novas medidas de combate ao vírus

Comentário de Thiago Dias*.

O prefeito Mário Alexandre. Imagem: SECOM-Ilhéus.

Demorou, mas o prefeito Mário Alexandre (PSD) finalmente estabeleceu medidas duras contra a pandemia da covid-19. Erra, por ignorância ou má-fé, quem critica o endurecimento das regras. A prefeitura não deve medir esforços para que o distanciamento social aumente. Essa é a única maneira de diminuir a velocidade com que o novo coronavírus se espalha.

Ilhéus já tem 178 casos confirmados. A subnotificação é grande em todo o país. Aqui não é diferente. Por isso, numa conta muito conservadora, é provável que já tenhamos mais de 1.000 infectados, com a maior parte deles sem sintomas. Segundo publicação científica no site da revista Science, as pessoas que contraem o vírus e ficam assintomáticas são responsáveis por dois terços das infecções. O estudo leva em conta dados da China, onde a história natural da pandemia começou. O resultado da pesquisa está disponível neste link (em inglês).

O decreto 30/2020, que começou a valer hoje (27), autoriza a condução para a delegacia de pessoa que estiver sem máscara na rua ou em outros espaços compartilhados fora de casa, inclusive dentro de carros. O desrespeito da regra pode levar ao indiciamento por crime contra a saúde pública. Não há exagero nisso. Cada indivíduo juridicamente capaz deve ser cobrado por sua parcela de responsabilidade na guerra contra o vírus.

As novas regras também limitam os dias de funcionamento de serviços e lojas, sempre das 9h às 15h. As segundas e quartas-feiras são exclusivas para os estabelecimentos que vendem materiais de limpeza e de construção, além de óticas, lavanderias e empresas que recarregam ou consertam impressoras. Já os pontos de venda de ração e remédios para animais, insumos agrícolas, oficinais, borracharias e autopeças só podem funcionar às terças, quintas e sextas-feiras. Essa é mais uma medida para diminuir a circulação de pessoas.

Outra mudança relevante trazida pelo decreto determina que os supermercados funcionem no máximo até 19 horas. Farmácias, postos de combustíveis e serviços de entrega de alimentos ainda podem funcionar depois desse horário. O prefeito também acertou ao exigir que diversos setores do governo trabalhem de forma integrada para fiscalizar e melhorar as condições de prevenção ao contágio nas centrais de abastecimento do Malhado e do Hernani Sá.

É importante destacar que as medidas de isolamento social têm efeitos retardados. As atitudes tomadas agora só vão apresentar suas consequências (positivas ou negativas) após o tempo de desenvolvimento da covid-19, que costuma ser de 15 dias. Portanto, temos que esperar duas semanas para avaliar os impactos das novas medidas sobre a velocidade de espalhamento do vírus.

*Thiago Dias é repórter e comentarista do site Ilhéus Comércio.

1 Comment

  1. VÍDEO: Governo Marão nega que tenha mandado "descer a ripa" em pessoas sem máscara | Ilhéus Comércio

    28 de abril de 2020 at 19:15

    […] de prevenção ao contágio do novo coronavírus é obrigatória nas ruas de Ilhéus desde ontem, quando o decreto municipal 30/2020 entrou em vigor. No entanto, o modo como um dos fiscais falou com as pessoas fez o Governo Marão vir a público […]

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Newsletter:
Assine e receba nossas notícias no seu e-mail: